Complot

Este blogue nada tem de original. Fala de assuntos diversos como a política nacional ou internacional. Levanta questões sobre a sociedade moderna. No entanto, pelo seu título - Complot -, algo está submerso, mensagens codificadas que se encontram no meio de inocentes textos. Eis o desafio do século: descobri-las...

A minha fotografia
Nome:
Localização: Praia da Vitória, Terceira, Portugal

segunda-feira, maio 20, 2013

No PSD, há gente que mexe com o meu sistema

Diz Carlos Abreu Amorim, vice-presidente da bancada laranja e candidato à Câmara de Gaia.


Para quê esta conversa imatura vinda de alguém que representa a Nação na Assembleia Nacional? Nos tempos de comentador, fartava-se de usar o ditado "à mulher de César não basta ser honesta, tem de parecer honesta", quando censurava a conduta de certos políticos.

Será que o PSD anda tão mal que, para dar nas vistas, precise de recorrer à linguagem populo-separatista de Jardim para "conquistar" a simpatia do seu "povo"?

Os meus amigos do Blasfémia falam em piada à portuguesa e na falta de tolerância de quem o critica.  Os mesmos que se indignam com a Esquerda quando fala em "mago escurinho" referindo-se ao responsável do FMI Abe Selassie.

Então não me levarão mal se escrever que no Norte, quando alguém mete nojo, costuma-se dizer: "Vai para o caralho, pá!".

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial